3 cases assertivos de PR: estratégias de comunicação para 2021

A pandemia deixou duas coisas muito claras para os profissionais de RP. Em primeiro lugar, uma estratégia de comunicação forte e um plano de comunicação de crise são essenciais, não apenas para se manter à tona, mas também para sair da pandemia em uma posição mais forte. Em segundo lugar, é crucial abraçar o poder da pivotagem (guinada no rumo de um negócio).

Líderes e profissionais de RP que são ágeis e capazes de se adaptar às tendências em rápida mudança do mercado estão em uma posição melhor para superar as adversidades e sair mais fortes do pós-recessão.

Como profissionais da comunicação, o poder do pivô depende da compreensão do consumidor. O que os consumidores estão sentindo e experimentando agora, e o que procuram, esperam das marcas que amam?

Essas cinco tendências de consumo não vieram apenas para ficar, mas mudaram completamente a forma como fazemos negócios. (fonte: PR Daily)

1. Maior ênfase na saúde e segurança

Os consumidores não estão apenas comprando mais produtos relacionados à saúde, mas também estão mais propensos a comprar de uma marca que consideram segura e minimizam riscos desnecessários.
Um relatório recente do Índice de Consumo da Ernst & Young relata que 26% dos consumidores pesquisados preferem marcas e produtos em que confiam como seguros e que minimizam riscos desnecessários.

DICA: Comunique como você está priorizando a saúde e a segurança de sua equipe e consumidores.

Case de PR LamparinA+
Rider R4:

Rider lança sua primeira coleção sustentável

Rider cria coleção com o menor impacto ambiental da marca

2. Gastos baseados em valor

Os consumidores não só querem comprar bens e serviços localmente ou de empresas de propriedade de negros, mas também querem comprar de marcas que se alinham com seus valores.

Um recente Relatório do Índice de Consumo da Suzy Consumer Insights compartilha que 65% dos consumidores são mais propensos a apoiar uma marca que se preocupa com as mesmas questões sociais que eles.

DICA: Use seu alcance para ser um líder para mudanças. Mais do que palavras, os consumidores querem ação. Eles querem ver o que exatamente você está fazendo para impulsionar a mudança em seu setor e comunidade. Isso humaniza sua marca e conquista boa vontade e confiança de seus consumidores e stakeholders.

Case A+
Lives Aspen Pharma Brasil com influenciadores Negros:

Live com Roger Cipó
Live com Gina Vieira
Campanha do leite de magnésia reúne 8 ilustradores

3. Criando uma conexão humana, online

Embora a fadiga digital seja real, existem certas experiências digitais às quais os consumidores estão se acostumando, como o BOPIS (Compre Online, Retire na Loja). Seu site e canais sociais agora são a porta de entrada para sua marca ou empresa. Você deve investir em e-commerce, eventos virtuais, seus canais online e conteúdo. É assim que os consumidores estão descobrindo e se envolvendo com marcas e negócios hoje.

DICA: A experiência digital agora é a experiência humana. Os consumidores ainda anseiam por uma conexão entre humanos. Como você pode criar uma experiência humana mais personalizada online? Eventos virtuais, conteúdo autêntico (especialmente vídeo) e empatia (muita empatia).

Case A+
E-commerce para a rede Walter’s Coiffeur

Press Meeting Online para Rider