21 de maio de 2015 Agência A+

Facebook lança ferramenta para que editores publiquem artigos diretamente na rede social

Em mais um enorme passo em seu plano de ser (ainda mais) a entidade dominante na internet, o Facebook revelou uma ferramenta chamada Instant Articles, voltada para que editores publiquem matérias interativas de maneira prática e rápida na rede social.
0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 0 Flares ×

Instant Articles promete mais rapidez na experiência de leitura e propõe rentabilização para os publishers

Facebook lança ferramenta para que editores publiquem artigos diretamente na rede social

Em mais um enorme passo em seu plano de ser (ainda mais) a entidade dominante na internet, o Facebook revelou uma ferramenta chamada Instant Articles, voltada para que editores publiquem matérias interativas de maneira prática e rápida na rede social. É a proposta do Medium, mas inicialmente pensada para celulares e agora ancorada pela mastodôntica base de usuários do Facebook.

A justificativa é de que muitas pessoas lêem notícias em dispositivos móveis, e o carregamento de artigos é, até o momento, a experiência mais lenta que alguém pode ter no Facebook. Em média, um link externo leva 8 segundos para ser exibido em um smartphone. Com o Instant Articles, o consumo desse tipo de conteúdo será dez vezes mais rápido.

Já para o editor de notícias, vem a possibilidade de publicar artigos formatados para telas móveis, personalizando com a identidade de marca. Incluindo zoom em fotos de alta resolução, auto-play de vídeos durante o scroll, inserção de trechos de áudio e comentários em partes individuais do texto.

Introducing Instant Articles, a new tool for publishers to create fast, interactive articles on Facebook.

Posted by Facebook Media on Terça, 12 de maio de 2015

 

Agora vem o pulo do gato: Os editores poderão vender anúncios em seus artigos, ou então optar pela própria plataforma do Facebook para rentabilizar inventário ocioso. Além disso, estarão disponíveis ferramentas analíticas da audiência, incluindo comScore.

O Instant Articles conta inicialmente com nove parceiros de conteúdo: The New York Times, National Geographic, BuzzFeed, NBC, The Atlantic, The Guardian, BBC News, Spiegel e Bild.

É uma resposta ousada para a atual crise de identidade do jornalismo, dentro da velha máxima de que a informação tem que ir onde o leitor está. É bom para o Facebook pois mantém o usuário dentro da rede social, pode ser bom para os editores em termos de alcance e rentabilização. Só fica a linha fina entre o que pertence a quem. Essa simbiose entre publishers e Facebook, no futuro, acabaria com os sites de notícias?

PS: Irônico que a página do Instant Articles seja feita em WordPress: instantarticles.fb.com

por

Fonte: Brainstorm #9

Solicite um orçamento!